Terça-feira, 6 de Março de 2007

Arquitectura Art Déco

 

   O edifício Chrysler (1930), do arquitecto William van Halen (1883-1953), é um dos  ícones da arquitectura historicamente relacionada com o estilo Art Déco. O seu recorrente aparecimento em dezenas de registos cinematográficos, e o seu consequente e inevitável glamour, quase nos fazem esquecer que na arquitectura contemporânea deste estilo também se integrava um movimento arquitectónico menos exuberante, mas sintomaticamente mais importante e influente para os  arquitectos e historiadores de arte e de arquitectura - o movimento da Bauhaus (1919). O modernismo arquitectónico das décadas de 1920 a 1940 dividir-se-ia, assim, num movimento mais depurado, contido e racional, o da Bauhaus, e noutro mais extrovertido e claramente favorecedor dos pormenores decorativos, exteriores e interiores, dos edifícios, aquele que habitualmente se associa ao estilo Art Déco.

 

   

Photo © Fundação de Serralves, Porto

 

   Em Portugal, encontram-se de norte a sul, e nas ilhas, vários exemplos dessa arquitectura. Em Lisboa podem destacar-se, entre muitos, muitos outros, os edifícios da estação ferroviária do Cais do Sodré (1928), a Igreja de Nossa Senhora de Fátima (1938), na Avenida de Berna, a moradia na Avenida Cinco de Outubro, e o edifício do Diário de Notícias (1940), na Avenida da Liberdade, todos da autoria do arquitecto Pardal Monteiro (1897-1957); a fachada que resta do primitivo Éden Teatro (1935), desenhado pelo arquitecto Cassiano Branco (1897-1970), nos Restauradores; a estação fluvial Sul-Sueste (1931), do arquitecto Cotinelli Telmo (1897-1948), arquitecto-chefe da Exposição do Mundo Português de 1940; e a Casa da Moeda (1936), do arquitecto Jorge Segurado (1898-1990) .

 

 

Photo © Fundação de Serralves, Porto

                

   No Porto, o edifício Art Déco por excelência é a Casa de Serralves, cuja execução contou com a colaboração de alguns dos maiores expoentes europeus desse movimento. (Para saber mais sobre a casa, a sua história e os arquitectos e artistas que contribuíram para a sua conclusão e decoração, visite o site da Fundação de Serralves em www.serralves.pt.) Mas a antiga garagem do jornal Comércio do Porto (1932), do arquitecto Rogério de Azevedo (1912-1983) e o edifício do Coliseu do Porto, de Cassiano Branco, são também outros edifícios de referência. Para a história da arquitectura de interiores, registem-se os notáveis vitrais que hoje integram um restaurante da cadeia McDonald's, na Praça da Liberdade.

 

 

© Blog da Rua Nove

publicado por blogdaruanove às 03:39
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De J. Pereira a 6 de Março de 2007 às 10:18
Parabéns Beto. Trabalho espectacular de conhecimento e divulgação. Obrigado por este Blog.
De Anónimo a 30 de Abril de 2007 às 23:03
Optimo post, so não consegui perceber se a Casa da Moeda faz parte do estilo Art Déco ou Bauhaus.
De blogdaruanove a 1 de Maio de 2007 às 02:49
Agradeço o seu comentário.
Essa é precisamente uma problemática que se coloca com a designação Art Déco: sendo uma designação tão genérica e abrangente (veja-se o estilo Deco Pueblo dos americanos, o Déco que um marajá importou para a Índia, o Déco que os italianos deixaram na Eritreia...), "where to draw the line?..."

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.posts recentes

. Old Chap

. Le Sacré du Printemps

. Word of Mouth

. Still Skating Around...

. Volare...

. Ouranos

. Staccato

. E Va...

. E La Nave Va...

. The End

.arquivos

. Fevereiro 2012

. Fevereiro 2011

. Fevereiro 2010

. Outubro 2009

. Junho 2009

. Fevereiro 2009

. Outubro 2008

. Junho 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

.Visitas

blogs SAPO

.subscrever feeds