Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blog da Rua Nove

Blog da Rua Nove

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2011
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2010
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2009
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2008
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2007
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
06
Mar07

Sugestão para Filme do Mês

blogdaruanove

 

   Herói (Ying Xiong, 2002), um filme de Yimou Zhang. Imagens de uma beleza espantosa acompanham uma história empolgante que surpreende até ao último momento. Particularmente cativante a técnica das diferentes narrativas que vão levando o espectador através de versões distintas, e cheias de enganos, da história... Um clássico! Um clássico que alguns consideram pretensioso, mas um clássico. Como habitualmente, poderá consultar detalhes em www.imdb.com.

 

© Blog da Rua Nove

06
Mar07

Arquitectura Art Déco

blogdaruanove

 

   O edifício Chrysler (1930), do arquitecto William van Halen (1883-1953), é um dos  ícones da arquitectura historicamente relacionada com o estilo Art Déco. O seu recorrente aparecimento em dezenas de registos cinematográficos, e o seu consequente e inevitável glamour, quase nos fazem esquecer que na arquitectura contemporânea deste estilo também se integrava um movimento arquitectónico menos exuberante, mas sintomaticamente mais importante e influente para os  arquitectos e historiadores de arte e de arquitectura - o movimento da Bauhaus (1919). O modernismo arquitectónico das décadas de 1920 a 1940 dividir-se-ia, assim, num movimento mais depurado, contido e racional, o da Bauhaus, e noutro mais extrovertido e claramente favorecedor dos pormenores decorativos, exteriores e interiores, dos edifícios, aquele que habitualmente se associa ao estilo Art Déco.

 

   

Photo © Fundação de Serralves, Porto

 

   Em Portugal, encontram-se de norte a sul, e nas ilhas, vários exemplos dessa arquitectura. Em Lisboa podem destacar-se, entre muitos, muitos outros, os edifícios da estação ferroviária do Cais do Sodré (1928), a Igreja de Nossa Senhora de Fátima (1938), na Avenida de Berna, a moradia na Avenida Cinco de Outubro, e o edifício do Diário de Notícias (1940), na Avenida da Liberdade, todos da autoria do arquitecto Pardal Monteiro (1897-1957); a fachada que resta do primitivo Éden Teatro (1935), desenhado pelo arquitecto Cassiano Branco (1897-1970), nos Restauradores; a estação fluvial Sul-Sueste (1931), do arquitecto Cotinelli Telmo (1897-1948), arquitecto-chefe da Exposição do Mundo Português de 1940; e a Casa da Moeda (1936), do arquitecto Jorge Segurado (1898-1990) .

 

 

Photo © Fundação de Serralves, Porto

                

   No Porto, o edifício Art Déco por excelência é a Casa de Serralves, cuja execução contou com a colaboração de alguns dos maiores expoentes europeus desse movimento. (Para saber mais sobre a casa, a sua história e os arquitectos e artistas que contribuíram para a sua conclusão e decoração, visite o site da Fundação de Serralves em www.serralves.pt.) Mas a antiga garagem do jornal Comércio do Porto (1932), do arquitecto Rogério de Azevedo (1912-1983) e o edifício do Coliseu do Porto, de Cassiano Branco, são também outros edifícios de referência. Para a história da arquitectura de interiores, registem-se os notáveis vitrais que hoje integram um restaurante da cadeia McDonald's, na Praça da Liberdade.

 

 

© Blog da Rua Nove

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2011
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2010
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2009
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2008
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2007
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D